Wednesday, June 24, 2009

Let the pain go away

Image Hosted by ImageShack.us


My interview with John Sarno about mindbody disorders like back pain, shoulder pain, etc
You just have to click on the link below to watch the video:
http://bit.ly/F4Pet

Things I learned from John Sarno:
1) I create chronic pain and other physical symptoms to avoid facing my emotional pain.
2) To be aware of that, every day, every moment, is the first step to alleviate my chronic pain.
3) Throughout my whole life, I filled up my unconscious reservoir of rage, resentment, fear, insecurity, shame, feeding an emotional pain  that my conscious mind tries to escape from, at all costs, to the point of creating "diseases".
4) New problems and stress can make this reservoir overflow.
5) I can change my attitude towards life and stop filling that reservoir.
6) To accept pain as natural and human, instead of fighting against it - or anesthetizing it - allows it to gradually go away.
7) It's useless to treat the physical symptoms with drugs, physical therapy, surgery, pain clinics, because my mind will keep creating new symptoms.
8) Accepting myself as I am, knowing myself better, sharing with others my deep emotions is the way. 
9) Eating well, exercising, stopping self-destructive habits like alcohol and drug abuse, smoking: chosing health. No more sickness.
10) Being grateful to be alive, helping others whenever possible, asking God for serenity to accept the things I cannot change and courage to change the things I can.

  1. Algumas coisas que aprendi com John Sarno:

    1 - Eu crio dores crônicas e outros sintomas físicos para não enfrentar a dor emocional.
    2 - Tomar consciência disso (a cada dia, cada momento) é o primeiro passo para aliviar a dor crônica.
    3 - Ao longo da vida fui enchendo meu reservatório inconsciente de mágoa, raiva, ressentimento, medo, insegurança, vergonha, alimentando uma dor emocional que a mente consciente evita enfrentar a qualquer preço, a ponto de fabricar “doenças”.
    4 - Novos dissabores e estresses podem fazer esse reservatório transbordar.
    5 - Eu posso mudar minha atitude diante da vida e parar de encher esse reservatório de mágoa.
    6 - Aceitar a dor como algo natural e humano, em vez de lutar contra ela - ou anestesiá-la - permite que ela aos poucos diminua e vá embora.
    7 - Não adianta tratar os sintomas fisicos com remédios, fisioterapias, cirurgias, clínicas da dor, porque minha mente vai continuar criando outros sintomas.
    8 - Me aceitar como eu sou, me conhecer melhor, dividir com os outros minhas emoções mais profundas é o caminho.
    9 - Boa alimentacão, exercício vigoroso e assíduo, parar com hábitos autodestrutivos como o abuso de álcool, drogas, cigarro, escolher a saúde. Chega de doença.
    10 - Ser grato por estar vivo, ajudar os outros no que for possível, pedir a Deus serenidade pra aceitar o que não posso mudar, e coragem para mudar o que posso.

10 comments:

Mani said...

São excelentes lições de vida, meu caro...Duro é vivenciar isso. Voce já livros de Therese Bertherat???

Anonymous said...

Discordo.

abs,
zekla

Laura Peixoto said...

Pontual, tudo bom?

"Chupei teu post para o meu blog: http://lauramertenpeixoto.blogspot.com/ e fez muito sucesso. Tenho recebido emails pedindo a entrevista na íntegra, q achei na rede. Não tem política, nem cultura... O pessoal quer saber da saúde. Ja levaste para a tv essa reportagem?

Abç

Juliana Bittencourt said...

Excelente!

crib tanaka said...

pesado, mas necessário. sem dúvida a gente cria o que sente, como reação ou como refúgio. e acredito que inconscientemente, quase sempre. bom poder saber para prevenir. e deixar sentir.

Ana Paula Siqueira said...

Jorge,
Esta é minha primeira vez em seu blog e adorei me deparei com esse post, pois eu sempre digo isso e ninguém acredita em mim hehe. Na verdade, sou a prova de que o que John Sarno diz é fato. Por anos sofri com dores causadas por uma suposta hérnia de hiato. Só me vi livre dessas dores depois que me livrei de uma grande mágoa (que insistia em alimentar).
Vi uma entrevista com um psicanalista, no MGTV, na qual ele falava sobre a somatização de doenças. Muito interessante, principalmente pq ele fala da importância do bom humor!!!
E fácil levar a vida assim?? Não! Mas é possível!!
um abraço,
Ana Paula
segue o link, caso queira ver.
http://migre.me/4amo

HilaryN123 said...

Por anos eu sofri dores aparentemente causadas por computadora! Más quando li o livro de Dr Sarno recuperei-me.

Agora, com otras pessoas que tambêm recuperaram-se, estamos construindo um wiki com informação para ajudar otras pessoas que querem recuperar-se:
www.tmswiki.com

Se vcs querem contribuir nestá página, estaram muito bem-vindos:
http://tmswiki.wetpaint.com/page/TMS+no+Brasil

Ana Paula, obrigada por o link!

Erica A. said...

Muito bom voce dividir seus aprendizados. Adorei! Vou usa-los. bjs

Fernando César said...

Jorge, está tudo bem? Seus e-mails não têm chegado a Teresópolis. Abraços.

Fernando César said...

Jorge, está tudo bem? Seus e-mails não têm chegado a Teresópolis. Abraços.