Monday, April 30, 2007

Vik Muniz, Narciso d'après Caravaggio

Vik Muniz, auto-retrato

Levei Douglas Hofstadter pra ver a exposição de Vik Muniz no MoMA PS1. Fomos pela linha 7 do Subway depois de gravar na minha casa uma entrevista para o Milênio da Globo News sobre seu novo livro, I Am a Strange Loop.
As idéias de Hofstadter têm tudo a ver com a arte do Vik: perceber é transpor formas de um meio para outro - abstrair.
Doug ficou encantado com as fotos do Vik, que não conhecia. Custou a reconhecer algumas imagens que Vik transpôs, como o Narciso de Caravaggio feito de ferro velho. Claro que Vik é fã de Hofstadter, tem um amarelado exemplar de Gödel, Escher, Bach. Mas por confusão minha não deu para promover o encontro dos dois gênios, fica para a próxima.

Vik Muniz, capa da revista do New York Times de 15/4/07

Douglas Hofstadter

1 comment:

benjamimads@yahoo.com.br said...

Puxa, Jorge Pontual achei incrivel que você conheça o Hofstadter,se puder me responda uma coisa, porque não há quase nada dele publicado no Brasil, a não ser o GEB? Você bem que poderia propor a publicação a alguma editora(do novo livro)e fazer a tradução...